Como muitos já sabem passamos por um baita susto com o Fred nos últimos dias. O Fred é um vira-lata assalsichado que completa 4 anos no dia 17 de maio e apesar de já ter ido no veterinário inúmeras vezes por causa de alguns problemas de pele, ele sempre foi um cachorro muito saudável e cheio de energia. Eu sempre soube que por causa do seu tipo de corpo (comprido e baixinho) ele teria uma predisposição a ter algum tipo de problema de coluna mas jamais
imaginei que poderia ser algo tão rápido e devastador como foi.

Em 24 horas ele passou de um cão saudável para um cão com chances de ficar paraplégico a caminho de uma mesa de cirurgia e claro isso nos desestabilizou
completamente! Não só a parte financeira, que aliás foi nosso segundo susto, porque como se já não bastasse a notícia terrível que acabávamos de receber ainda tivemos que lidar com o valor monetário que isso nos custaria. Choramos muito e passamos a noite em claro esperando o médico ligar pra dizer como foi a cirurgia e
se estava tudo bem, eu confesso que por mais que eu quisesse (e claro q
ue eu queria MUITO) ser otimista, muitos pensamentos ruins passaram pela minha cabeça e eu só me lembro de adormecer rezando, pedindo a Deus que cuidasse bem do nosso filho e colasse paz em nossos corações e nos desse força pra enfrentar tudo que estivesse por vir.

Não vou me prolongar muito, afinal, se você chegou até aqui provavelmente sabe tudo que aconteceu (se não sabe basta clicar aqui) porque eu vim aqui dizer o quanto estou feliz sobre o tratamento do Fred.

Eu fiquei com muito medo no início imaginando como seriam esses primeiros dias, bobagem! Meu menino é mesmo muito forte e ele deixou todos de queixo caído,
quanta vontade de melhorar! E como ele se recuperou de maneira rápida e quase inacreditável!

Nos primeiros 10 dias entre o acontecido e a recuperação era como se a cada dia ele fosse um novo cachorro. Seu olhar melhorava, seu corpo melhorava e eu me lembro perfeitamente
da primeira vez que ele abanou o rabo, a primeira vez que ele levantou, a primeira vez que ele latiu! E pela segunda vez na
minha vida eu tive uma lição de como as coisas mais simples são importantes em nossas vidas e como devemos valorizar e sermos gratos a cada dia que acordamos saudáveis!

Eu jamais conseguiria colocar em palavras o quanto ficamos felizes com essas primeiras vezes e ainda mais em trazer ele pra casa, hoj
e 13 dias após um dos piores dias de nossa vida nossa maior preocupação é não deixar ele brincar como
se nada tivesse acontecido e claro que perto de tudo que passamos isso não é problema algum! Mas eu confesso que meu coração aperta cada vez que tenho que brigar para ele não brincar. Eu imaginava que seria difícil o ver se
m querer brincar mas não me preparei para dizer um simples: não. Estou tentando deixar ele solto pela casa mas está cada vez mais difícil!

Ele está indo muito bem é muito querido na clinica onde ficou internado (ganha muitos mimos de todos quando vai lá) e até mesmo na clinica da fisioterapia onde mal começou a frequentar e já é super querido por todas as “tias” que o tratam com muito carinho e também estão espantadas com a rápida recuperação dele! 🙂

Nos pri
meiros dias ele só queria saber de dormir, era uma lutar fazer ele levantar para comer e fazer suas necessidades, hoje está sendo uma luta mante-lo quieto! hahaha e claro, não me entendam mal, eu estou super feliz com isso, é apenas um “desabafo” para dizer que a página com todos os gastos do Fred está pronta! Basta ir no menu #JuntosPeloFred ou clicar aqui.

 

LEMBRETE: Se você é de São Paulo (capital ou região) saiba que a nossa rifa ainda está rolando, e o prêmio é um aspirador de pós britania nunca usado, lacrado e na caixa! Custa apenas R$5,00 e se você quiser participar basta acessar: http://www.rifatudo.com.br/juntos-pelo-fred.

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *